17ª Meditação “Servir como quem serve a Deus”

“Então voltareis e vereis a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que não o serve”. Malaquias 3:18

No seio da Igreja do Senhor existem muitos participantes, mas infelizmente nem todos os participantes são verdadeiramente servos do Senhor.
Apesar de serem participantes da obra, de muitos assumirem responsabilidades que se destacam no desenvolvimento da obra, é possível saber quem são os verdadeiros servos do Senhor.
Na verdade não somos servos pelo que fazemos, mas sim, pelo que somos.
A identidade do servo é que faz diferença entre o verdadeiro e o não verdadeiro.
A Palavra de Deus faz distinção entre o Justo e o Ímpio, pois através dos parâmetros bíblicos podemos identificar quem são os justos.
A Bíblia classifica o Justo como aquele que vive uma vida recta e integra no seu comportamento, uma vida de testemunho da nova vida que recebera de Cristo.
O viver e o andar do justo é identificado pelo Senhor da obra, se o servo é justo aos olhos do Senhor, então tudo o que ele fizer prosperará, pois o Senhor é fiel para com seus servos justos.
Como servos do Senhor, devemos buscar servi-lo com uma vida integra, alicerçada nos princípios estabelecidos por Jesus, e assim desfrutarmos do cuidado especial do Senhor, das suas promessas e da sua presença constante ao nosso lado.

“Eis que Deus é mui grande, contudo a ninguém despreza; grande é em força e sabedoria. Ele não preserva a vida do ímpio, e faz justiça aos aflitos. Do justo não tira os seus olhos”; Jó 36: 5-7


About this entry