Introdução…

Geração de servos…

“Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; Vós, que em outro tempo não éreis povo, mas agora sois povo de Deus; que não tínheis alcançado misericórdia, mas agora alcançastes misericórdia” . 1ª Pedro 2:9

Quem somos nós, os que se dizem cristãos comprometidos, que se dizem servos de Jesus Cristo, a quem proclamam como nosso Senhor e Salvador único?

Ter a Jesus Cristo como Senhor é mais que aceitá-lo como Salvador e falar bem dele. É aceitar o plano de Deus para nós como servos, compreender qual a tarefa e propósito do mesmo.

O plano de Deus está exposto de forma clara na sua Palavra, onde vemos que somos uma geração de servos, eleitos pelo próprio Deus, onde temos a responsabilidade de agirmos como sacerdotes reais, membros de um povo adquirido por um preço inquestionável, pago na Cruz do Calvário por Jesus Cristo.

Fomos adquiridos com um propósito único, o de anunciarmos as virtudes do Deus que temos como Senhor, o qual tem o poder de nos transportar das trevas para a maravilhosa Luz.

Nós deixamos de ser apenas criaturas de Deus, para sermos feitos servos especiais dele.
O nosso servir é fruto da misericórdia de Deus para connosco, antes não podíamos servi-lo, mas agora, alcançados pela misericórdia de Deus, podemos desenvolver o maravilhoso plano divino.

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos”. 1ª Pedro 1:3

Sim, somos uma geração especial, escolhida por Deus, a fim de servi-lo e proclamar suas virtudes como Senhor e Deus soberano.
O nosso servir é segundo a misericórdia de Deus, o nosso serviço é realizado com base numa viva esperança, a qual tem sua certeza e garantia na ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos.

Servir a Cristo é um ato de gratidão a Jesus pela sua misericórdia para connosco, e uma demonstração da nossa viva esperança em sua volta.
É motivo de orgulho para nós o sermos servos de Jesus, pois esse privilégio é dado apenas aos que fazem parte de um povo eleito e adquirido por Jesus, ou seja, o Povo de Deus.


About this entry