O Servo como agente da revelação de Deus…

Quanto mais compreendemos o plano de Deus para com a humanidade em geral, mais sentimos o peso da responsabilidade que temos como servos dele.

Através dos acontecimentos e experiências registradas na Palavra de Deus, podemos ver que o papel do servo é tão importante, que se o mesmo não participar de forma digna, poderá retardar o agir de Deus, bem como impedir que pessoas venham a ser privadas de muitas bênçãos celestiais.

Vamos analisar o exemplo da experiência de Saulo, o qual viria a ser o precioso servo e apostolo Paulo. Vamos descobrir que o mesmo se afirmou como servo do Senhor, após um outro servo ter cumprido com seu papel de servo.

Vejamos a experiência de Saulo no livro de Atos.

Em primeiro lugar vemos quem era Saulo e qual era o seu propósito de vida:

“E Saulo, respirando ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor, dirigiu-se ao sumo sacerdote. E pediu-lhe cartas para Damasco, para as sinagogas, a fim de que, se encontrasse alguns daquela seita, quer homens quer mulheres, os conduzisse presos a Jerusalém”. Atos 9:1,2

O que aconteceu de tão importante, que transformou Saulo em Paulo, o perseguidor em perseguido?

Você poderá dizer:  Ele teve uma experiência com o Senhor fora de série, ele contemplou  o resplendor da luz do céu, ele ouviu a voz do Senhor.  Sim tudo isso é verdade, está relatado no livro de Atos.

“E, indo no caminho, aconteceu que, chegando perto de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu. E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues?” Atos 9:3,4

Ao ouvir a voz do Senhor, tomando conhecimento do que fazia de errado, ele temeu e tremeu diante de Deus. Creio que isso já seria suficiente para uma mudança de vida.

Mas creio eu, que essa mudança de vida, não se deu apenas por esse detalhe, mas sim, porque alguém estava atento ao plano de Deus, e prontamente se pôs a fazer o seu papel de servo fiel.

Aqui entra a segunda parte da nossa meditação, vamos ver quem foi esse servo que estava atento ao plano de Deus, e fielmente cumpriu com seu papel de agente da revelação de Deus.

Ananias!

Esse era o nome do agente revelador do plano de Deus a Saulo.

Podemos imaginar que ele era um servo fiel em sua vida de oração, pois estava em plena comunhão com Deus quando Deus decidiu agir na vida de Saulo.

Ele ouviu na hora certa a ordem de Deus, e no momento determinado por Deus, ele foi ao encontro de Saulo:

“E havia em Damasco um certo discípulo chamado Ananias; e disse-lhe o Senhor em visão: Ananias! E ele respondeu: Eis-me aqui, Senhor. E disse-lhe o Senhor: Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso chamado Saulo; pois eis que ele está orando;” Atos 9:10,11

Fico a imaginar de como seria a vida de Saulo, caso Ananias não estivesse atento ao agir de Deus.

Podemos ver aqui que a oração é um meio muito eficaz, pelo qual podemos ser um agente da revelação de Deus.

É importante verificar aqui, que tanto Ananias como Saulo, estavam em espírito de oração.

O papel de Ananias no plano de Deus, era de fundamental importância, pois em consequência do seu serviço prestado a Deus, Saulo seria transformado por Deus, e mais que isso, deixaria de ser um “cego” espiritual, e passaria a ser um servo “cheio do Espírito Santo” o que faria dele um exemplo de servo fiel ao Senhor, deixando de ser Saulo para ser Paulo.

Esta foi a grande revelação feita por Ananias a Saulo:

“E Ananias foi, e entrou na casa e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo. E logo lhe caíram dos olhos como que umas escamas, e recuperou a vista; e, levantando-se, foi batizado”. Atos 9:17,18

Que tipo de servo estamos sendo?

Somos servos agentes da revelação de Deus às pessoas que nos rodeiam?

Através da fidelidade do servo Ananias, Deus completou seu plano na vida de Saulo, fazendo dele um verdadeiro agente revelador de Deus a muitas pessoas.

Ao deixar de ser um agente de Deus neste mundo, podemos estar retardando a salvação de almas, o avivamento de vidas e igrejas.

Que neste dia, possamos ser agentes da  revelação de Deus, ouvindo a voz de Deus e se dispondo a fazer sua vontade.

Amem!


About this entry